reticências

“A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixou cativar…” Antoine de Saint Exupéry, em O Pequeno Príncipe.

As coisas vão acontecer todas de uma vez, você vai dormir, ter um sonho que vai parecer ter durado um mês e vai acordar triste e com dor de cabeça. É isso que vai acontecer.
Ontem eu procurei desesperadamente por um trecho qualquer que descrevesse o que eu estava (e ainda estou) sentindo, mas não encontrei. Desde ontem, depois de uma tarde divertida e com crises de riso, cheguei em casa e comecei a sentir uma angústia. Completamente sem motivo. Eu até tive vontade de chorar, mas nem isso eu estava conseguindo. Muito estranho. Estranho mesmo por ser aparentemente sem razão.
Tem uma coisa, que n’outros tempos poderia ter causado isso,
mas hoje não

por favor, hoje não.

2 comentários sobre “reticências

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s